Lusitano Branco Ervideira
Nome:  Lusitano Seleção Classe:  Vinho Branco Região: Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Antão Vaz, Roupeiro e Arinto Vinificação:  Fermentação em cubas de inox, a temperatura controlada de 14ºC, em câmara de frio. Longevidade:  2 a 3 anos. Nota de Prova:  Apresenta uma agradável intensidade aromática, onde se destaca os aromas a frutos tropicais. Na boca revela uma frescura exuberante, a par de uma correcta acidez. É leve, fresco e com final agradável. Sugestões Gastronómicas:  Como aperitivo ou com pratos de peixe cozido ou grelhado. Como Servir:  Entre 6 e 8º C. Teor Alcoólico:  12.5% Vol. Enólogo:  Nelson Rolo
S de Sol Branco Ervideira
Nome:  S de Sol Classe:  Vinho Branco Região:  Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas: Antão Vaz,  Roupeiro e Perrum Vinificação:  Fermentação em cubas de inox com temperatura de fermentação controlada de 14ºC, em câmara de frio. Longevidade:  1 a 2 anos. Nota de Prova:  Um vinho de perfil jovem e fresco, de cor citrina. Apresenta aromas de frutos tropicais e notas minerais. Na boca é macio e a sua acidez desperta a componente de fruta, e prolonga a sua degustação. Sugestões Gastronómicas:  Como aperitivo ou com pratos de peixe cozido ou grelhado. Como Servir:  Entre 6 e 8º C. Teor Alcoólico:  13.0% Vol. Enólogo:  Nelson Rolo
Cordial Alentejo Branco
Nome:  Cordial Alentejo Branco Classe:   Vinho Branco Região:  Alentejo Designação:  D.O.C. Alentejo Castas:  Antão Vaz e Arinto Vinificação:  O processo de corre "castas a casta" As uvas Antão Vaz são desengaçadas. Ligeiramente esmagadas e prensadas em vácuo. Após a defecação, fermentam a temperatura controlada entre 13 a 15º C. As uvas Arinto sâo desengaçadas e enviadas sem esmagamento para "vinimatics" para maceração pelicular entre 6 e 10 horas. posteriormente são prensadas e enviadas para câmara de frio, onde fermentam entre 13 e 15º C Nota de Prova:  Vinho de tons citrinos, com notas de frutos tropicais, ligeira compota de marmelo  e notas minerais. Elegante na boca, mostra boa acidez e estrutura marcante, que prolonga a degustação. Sugestões Gastronómicas:  com robalo escalado e grelhado ou amêijoas  á Bulhão pato. Como Servir:  Entre 8 e 10º C. Teor Alcoólico:  13.5% Vol. Enólogo:  Nelson Rolo
Tinoco Regional Alentejano Branco
Nome:  Tinoco Classe: Vinho Branco Região:  Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Arinto, Antão Vaz e Verdelho Vinificação:  Fermentação em cubas de inox com temperatura de fermentação controlada de 14º em câmara de frio. Nota de Prova:  Apresenta um aroma a frutos tropicais. Na boca revela uma frescura exuberante a par de uma correta acidez. Leve fresco e com um final agradável. Sugestões Gastronómicas:  Com pratos de peixe cozido ou grelhado e marisco. Como Servir:  Entre 6 e 8º C. Teor Alcoólico:  13% Vol. Enólogo:  António Ventura
Tinoco Alentejano Branco 375 Ml
Nome:  Tinoco Classe: Vinho Branco Região:  Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Arinto, Antão Vaz e Verdelho Vinificação:  Fermentação em cubas de inox com temperatura de fermentação controlada de 14º em câmara de frio. Nota de Prova:  Apresenta um aroma a frutos tropicais. Na boca revela uma frescura exuberante a par de uma correta acidez. Leve fresco e com um final agradável. Sugestões Gastronómicas:  Com pratos de peixe cozido ou grelhado e marisco. Como Servir:  Entre 6 e 8º C. Teor Alcoólico:  13% Vol. Enólogo:  António Ventura
Herdade Ajuda Branco
Nome:  Ajuda Classe:  Vinho Branco Região:  Vendas Novas - Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Arinto, Antão Vaz e Verdelho Vinificação:  Vindima nocturna por forma a manter a integridade física e aromática dos bagos, com prensagem em prensa pneumática. A fermentação ocorre em inox a temperatura controlada. Nota prova:  Cor citrina com laivos dourados, aromas de frutos de polpa branca e algumas nuances de vegetal. Na boca mostra-se fresco, intenso e equilibrado, com final volumoso e de média persistência Sugestões gastronómicas:  Ajuda branco é um vinho fresco de verão, acompanha bem pratos de peixes grelhados, carnes brancas e saladas diversas. Como Servir:  Entre 8 e 10º C. Acidez Total:  5.3 g/l Açucares:  1.7 g/l pH:  3.47 Teor alcoólico: 13,4% Vol. Enólogo:  António Ventura
Ajud Branco 375 Ml
Nome:  Ajuda Classe:  Vinho Branco Região:  Vendas Novas - Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Arinto, Antão Vaz e Verdelho Vinificação:  Vindima nocturna por forma a manter a integridade física e aromática dos bagos, com prensagem em prensa pneumática. A fermentação ocorre em inox a temperatura controlada. Nota prova:  Cor citrina com laivos dourados, aromas de frutos de polpa branca e algumas nuances de vegetal. Na boca mostra-se fresco, intenso e equilibrado, com final volumoso e de média persistência Sugestões gastronómicas:  Ajuda branco é um vinho fresco de verão, acompanha bem pratos de peixes grelhados, carnes brancas e saladas diversas. Como Servir:  Entre 8 e 10º C. Acidez Total:  5.3 g/l Açucares:  1.7 g/l pH:  3.47 Teor alcoólico: 13,4% Vol. Enólogo:  António Ventura
Herdade da Ajuda Branco Reserva
Nome:  Ajuda Reserva Classe:  Vinho Branco Região:  Vendas Novas - Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Arinto, Antão Vaz Vinificação: Vindima nocturna de forma a manter a integridade física e aromática dos bagos, com prensagem em prensa pneumática. O processo de fermentação inicia- se em cubas de inox e termina em barricas de Carvalho francês (500 e 225L) e Carvalho Americano (225L), com estágio na mesma por um período de 4 meses em contacto com as borras finas sobre o método de  Batônnage Nota Prova:  Cor citrina com laivos dourados, aroma dotado de alguma complexidade bem envolvido em nuances de fruta de polpa amarela, notas meladas e ligeira tosta. Na boca revela-se estruturado, intenso e untuoso, com boa acidez e final de boca volumoso de média persistência. Sugestões gastronómicas:  Acompanha bem pratos de peixes grelhados e carnes brancas e pratos de peixe gordo assado no forno. Como Servir:  Entre 10 e 12º C. Teor alcoólico: 13,5% Vol. Acidez:  4.9 g/l Açucares:  1.5 g/l pH:  3.55 Enólogo:  António Ventura
Ajuda Verdelho Branco
Nome:  Ajuda Verdelho Classe:  Vinho Branco Região:  Vendas Novas - Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Verdelho Vinificação: Vindima nocturna de forma a manter a integridade física e aromática dos bagos. Fermentação: Ocorre em inox a temperatura controlada com posterior e prensagem em prensa pneumática. Nota Prova:  Cor amarelo pálido, aroma vivo com algum mineral, frutos tropicais e alguma complexidade proveniente de estágio parcial em madeira. Bom volume de boca final prolongado. Sugestões gastronómicas: Peixes gordos, carnes brancas e pratos bem condimentados. Como Servir:  Entre 8º e 10º C. Teor alcoólico: 13,2% Vol. Acidez:  5 g/l Açucares:  1.2 g/l pH:  3.4 Enólogo:  António Ventura / Alberto Capitão
Vale do Chafariz Branco
Nome:  Vale de Chafariz Classe:  Vinho Branco Região:  Vendas Novas - Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Moscatel e Malvasia. Vinificação:  As uvas destinadas ao Vale do Chafariz branco foram vindimadas manualmente num período de maturação óptimo, que proporcionou a frescura e intensidade aromática desejada. A fermentação em cuba inox deu-se em temperatura controlada a 16ºc durante 18 dias após filtração por vácuo do mosto Notas Prova:  Cor citrina, é um néctar muito aromático, complexo e com notas florais. A influência atlântica atribuiu-lhe frescura Sugestões Gastronómicas:  Vale Chafariz Branco é um vinho para ser servido à mesa no acompanhamento de pratos leves, ou simplesmente para consumir numa esplanada. Como Servir:  Entre 6 e 8º C. Teor Alcoólico:  12.5% Vol. Acidez:  5.0 g/l Açucares:  0.6 g/l pH:  3.39 Enólogo:  António Ventura
Vale Chafariz Selection Branco
Nome:  Vale Chafariz Selection Classe:  Vinho Branco Região:  Vendas Novas - Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Arinto, Antão Vaz e Verdelho Vinificação: Vindima nocturna de forma a manter a integridade física e aromática dos bagos, com prensagem em prensa pneumática.. A fermentação de 70% do vinho ocorre em inox a temperatura controlada e os restantes 30% fermentam em barrica de carvalho francês por um período de 4 meses. Nota Prova:  Cor citrina, aromas bem definidos com notas de frutos de caroço (alperce e ameixa amarela) bem integradas com alguma mineralidade. Na boca denota frescura e alguma irreverência que a acidez lhe confere equilibrada com a boa untuosidade terminando com final de média persistência Sugestões gastronómicas:  Encontramos neste vinho a harmonização perfeita com         risotos, pratos de peixe cru como sushi e ceviche e algumas carnes brancas. Como Servir:  Entre 10 e 12º C. Teor alcoólico: 13,0% Vol. Acidez Total:  5.1 g/l Açucares:  3.0 g/l pH:  3.44 Enólogo:  António Ventura
Vargas Branco Alentejano
Nome: Joaquim Costa Vargas Classe:  Vinho Branco Região:  Cuba - Alentejo Designação:  Vinho Regional Alentejano Castas:  Antão Vaz Vindima:  Produzido a partir de uvas criteriosamente seleccionadas e vindimadas á mão no seu ponto óptimo de maturação. Vinificação:  Maceração pré-prensagem. Vinificado em cubas de inox de 5.000 Lt. de capacidade total pelo método “bica aberta”. A fermentação foi efectuada a temperaturas próximas de 18º. Durante a fermentação alcoólica provoca-se o levantamento de borras em depósito. Notas de Prova:  Apresenta cor citrina, Aroma rico e imediatamente atractivo, fresco, intenso e frutado, cítrico e com notas bem marcadas de frutos tropicais. O paladar é macio e equilibrado e de final frutado e longo. Leve e com muito boa acidez que lhe confere grande frescura.. Sugestões Gastronómicas:  Ideal para acompanhamento acompanhar carnes brancas, saladas frias, marisco, pratos de peixe cozinhado, grelhados, sushi e alguns queijos. Como Servir:  Entre 6 e 8ºC. Dados Analíticos Acidez Total(g/l) – 5.7 PH -3.1 Açucares Totais ( g/l) Teor Alcoólico:  13.0% Vol. Enólogo:  Manuel Vargas